Câmara Municipal aprova PL que institui Polo Cultural, Gastronômico e Turístico na zona norte



Por: Assessoria de comunicação.


De autoria da vereadora Sandra Santana (PSDB), o projeto colocará o Largo da Matriz no guia turístico da cidade


Na última quarta-feira, 12 de maio, a Câmara Municipal de São Paulo, em sessão extraordinária, aprovou em segunda votação o Projeto de Lei que institui o Polo Cultural, Gastronômico e Turístico do Largo da Matriz da Nossa Senhora do Ó e entorno. De autoria da vereadora Sandra Santana (PSDB), a iniciativa tem o objetivo de promover o desenvolvimento econômico da zona norte da capital.


"Estou muito feliz por concretizar este projeto que foi feito com muito carinho e com a participação dos comerciantes da região. O Largo da Matriz é patrimônio histórico tombado, e esse projeto veio para valorizar ainda mais as raízes deste local que tem tudo para ser um dos principais pontos turísticos da maior cidade da América Latina", destaca a vereadora.


O projeto prevê a atração de investimentos para a região, realização de eventos e cursos, sensibilização da comunidade para a criação de atividades educacionais e culturais, além de preservar e valorizar a memória histórica, cultural e turística do território, o inserindo no guia turístico da cidade.


Os empreendedores da região que participarem do projeto receberão o selo “Amigo da Freguesia do Ó”. De acordo com o projeto, quem conquistar o selo terá prioridade na participação de eventos de rua organizados pelo Polo.


O núcleo do Polo Cultural, Gastronômico e Turístico do Largo da Matriz, responsável pelos eventos e ações do projeto, será composto pelo Poder Executivo após a sanção do Prefeito Bruno Covas.


"Com a vacinação sendo realizada, já estamos pensando na retomada econômica após a pandemia do coronavírus. São Paulo terá o grande desafio de superar essa crise e ideias como essa podem salvar dezenas de comércios e empregos, gerando renda para centenas de famílias", afirma Sandra Santana.


Aprovado em segunda votação na Câmara Municipal de São Paulo, o projeto de lei segue para sanção do prefeito Bruno Covas. O PL está disponível na íntegra no site SPLegis, no link: www.bit.ly/pologastronomicozn